Você sabe como armazenar comida congelada?

Você sabia que a armazenagem, o congelamento de alimentos e a alimentação saudável estão ligados? Se antes muita gente afirmava que comida congelada não tinha sabor e perdia seus nutrientes, a ciência prova o contrário. O que acontece é que cada alimento tem um modo correto de ser conservado, por isso, você deve saber como armazenar comida congelada.

Congelar preserva sorvete, pão de queijo e batata palito, não é? Então por que com comida pronta congelada seria diferente? A palavra congelar significa, essencialmente, preservar. Portanto, quando o alimento está no congelador da forma adequada, pode ter certeza de que ele tem a segurança alimentar garantida.

Descubra neste artigo modos seguros e dicas sobre como armazenar comida congelada!

Como armazenar comida congelada de diferentes tipos?

Um estudo do Instituto de Pesquisa em Alimentação do Reino Unido mostrou que congelar alimentos preserva nutrientes e garante sabor e textura como se fossem frescos. O processo impede a proliferação de bactérias e micro-organismos que atuam na deterioração dos alimentos e ainda, realizado da maneira correta, conserva suas vitaminas e nutrientes.

Ou seja, não há motivos para não querer congelar os alimentos e facilitar o seu dia a dia.

Comida pronta

Há uma dica valiosa para que você mantenha a qualidade dos alimentos: cozinhe por menos tempo do que o habitual, porque eles amaciam durante o processo de congelamento. Use também menos tempero e sal, pois eles são realçados após congelados.

Carne

Se você não é vegetariano e ainda consome proteína de origem animal há algumas boas dicas para você garantir sua comida congelada.

Separe a carne em sacos plásticos laváveis e transparentes ou potes com tampa fechada hermeticamente e congele-as — peças inteiras ou em bifes — por até três meses. Não lave os cortes antes, pois a água pode trazer bactérias e outros elementos que comprometem a qualidade e durabilidade da carne, mesmo dentro do freezer.

Já se você quiser preparar a carne e congelá-la depois, ela pode ficar no congelador por até um mês. Só não use muito tempero no preparo e nem cozinhe ou asse demais, porque no congelamento os sabores se acentuam e o alimento retém líquido que cozinha a peça rápido depois.

Legumes e Verduras

Para aproveitar o melhor dos legumes, faça o branqueamento. Esse método consiste em mergulhar os alimentos na água fervente e depois em uma bacia com água e gelo. Isso interrompe o cozimento garantindo a preservação da cor, nutrientes e sabor.

O que não congelar

Tenha cuidado, pois alguns alimentos não podem ser congelados, dadas suas texturas e composições biológicas. São eles:

·    vegetais crus;

·    ovos cozidos;

·    maionese;

·    gelatina;

·    batata;

·    preparações com creme de leite;

Qual é a diferença entre o ultracongelamento e o congelamento?

O ultracongelamento é um método que está sendo cada vez mais empregado pela indústria para conservar alimentos de maneira muito segura. Essa prática leva a comida da temperatura ambiente para níveis entre -18º e -30ºC instantaneamente, evitando contaminações e preservando a integridade do produto.

No congelamento tradicional, a temperatura é reduzida lentamente e esse processo pode durar até 24 horas. Ao longo desse tempo vão se formando grandes cristais de gelo e ao descongelar forma-se um excesso de líquido, que literalmente “lava” o alimento levando embora o tempero e os nutrientes.

Diferente do congelamento em casa, o ultracongelamento impede a formação de cristais de gelo. Assim ao descongelar não há excesso de líquido e o alimento está íntegro e pronto para consumo.

Outra grande vantagem do ultracongelamento é que essa técnica dispensa o uso de conservantes e aditivos químicos, permitindo uma conservação natural por até seis meses.

Com aproveitar melhor o congelador para meus alimentos?

Para aproveitar melhor os espaços, use de preferência potes pequenos, quadrados ou retangulares, que se encaixam melhor no freezer.

Sempre use potes de vidro temperado ou de plástico, ou mesmo sacos plásticos que tenham fechamento rápido. Se você tiver uma seladora a vácuo, use-a para retirar o ar das embalagens — nesse estado o alimento fica melhor preservado.

Coloque o alimento nos potes, com pelo menos uma margem de 2 cm para baixo das bordas. O congelamento estufa a comida e pode quebrar o invólucro se estiver muito cheio.

Também use etiquetas nos potes com a validade de cada alimento congelado e sempre deixe aqueles com o prazo mais curto, na frente.

Alimentos frescos são mais seguros do que congelados?

Você já parou para pensar se os alimentos frescos que você compra são realmente seguros? Dizemos isso porque o transporte, as horas debaixo de sol ou exposto ao tempo e o próprio manuseio podem trazer risco de contaminação. Por isso, fique atento aos locais de armazenagem de frutas e verduras e procure fornecedores bem conscientes.

Enquanto isso, o alimento congelado se destaca justamente por ser armazenado logo que é preparado e retirado do congelador apenas quando vai ser consumido. Essa é uma questão a ser pensada quando o assunto é uma alimentação segura, saudável e prática. Afinal, você merece saber o que está consumindo.

Depois de entender como armazenar comida congelada, você já sabe como pode facilitar a sua vida e deixá-la ainda mais saudável.

Siga-nos no Facebook e Instagram e receba novidades sobre alimentação saudável!

Quanto mais natural, melhor.

Chega de ultraprocessados, realçadores de sabor e de listas de ingredientes impossíveis de entender. As nossas
refeições não tem corantes ou conservantes artificiais, e cada ingrediente é comida de verdade.