Sintomas da menopausa: melhore com uma alimentação saudável!

A menopausa é uma fase natural para todas as mulheres e deve ser encarada da forma mais positiva possível. Apesar disso, ela pode se tornar um desafio, já que alguns sinais são desconfortáveis, tanto física quanto emocionalmente. Grande parte das mulheres acabam optando pela reposição hormonal para aliviar os sintomas da menopausa. No entanto, já existem algumas controvérsias sobre o assunto, especialmente se ela pode provocar outras doenças ou se funciona para todo o público feminino.

A boa notícia, é que sabemos que a alimentação equilibrada e saudável pode ser um super aliado nessa fase. Para quem está enfrentando esse período, a mudança de hábitos pode amenizar e até eliminar sensações de incômodo. A alimentação saudável proporciona mais qualidade de vida para esse momento tão delicado. Se você quer saber como isso é possível, fique conosco. Boa leitura!

Quais são os sintomas da menopausa?

As mulheres geralmente passam pelo período da menopausa entre os 45 e 55 anos. Ele traz consigo sintomas bem marcantes. São eles:

  • ganho de peso;
  • instabilidade de humor;
  • insônia;
  • ansiedade;
  • dores de cabeça;
  • cansaço e fadiga;
  • tontura;
  • calorões.

Que alimentos amenizam os sintomas?

Alguns alimentos tem o poder de amenizar os sintomas da menopausa, conheça:

  • sementes oleaginosas e óleos vegetais — são fontes de vitamina E e diminuem as ondas de calor;
  • cereais integrais e grãos — contêm vitamina B6, ajudando na formação de triptofano (neurotransmissor) que reduz a irritabilidade e melhora o humor;
  • frutas cítricas — possuem vitamina C, que é necessária para a síntese de hormônios nos ovários;
  • vegetais verdes escuros — ricos em cálcio e ácido fólico, que combatem a osteoporose e diminuem o risco de câncer de mama;
  • castanha do Pará — fornece um importante antioxidante que regula as funções cerebrais e protege contra o envelhecimento precoce, o selênio;
  • linhaça — fonte de ômega 3, que contribui para os impulsos nervosos, melhora a fluidez sanguínea, diminui o colesterol e regula a glicose.

No entanto, para que a ingestão desses alimentos atinja todo seu potencial, é importante combinar os hábitos alimentares com a prática de atividades físicas regulares e banhos de sol, por exemplo, que ajudam a fixar o cálcio e a absorver vitamina D.

Como funcionam os hormônios nessa fase?

Ao entrar na menopausa, a mulher experimenta um desequilíbrio hormonal entre a produção de estrogênio e progesterona. Antes de entrar nesse período, a produção de progesterona decai e continua diminuindo mesmo após esse tempo. Enquanto isso, os níveis de estrogênio continuam estáveis, reduzindo apenas após a menopausa. Por isso a mulher para de menstruar quando entra na menopausa.

A menopausa não deve ser encarada como a porta para a velhice, mas como início de uma nova fase em que, com os cuidados certos, pode ser um momento de novos interesses e perspectivas.

Qual a relação entre os hormônios e a alimentação?

Se você quer evitar os problemas e desconfortos causados nessa fase, é importante entender como os alimentos contribuem para a síntese de hormônios e como isso tudo alivia os sintomas da menopausa.

Brócolis, couve-flor e repolho, por exemplo, são alimentos que possuem uma substância (glucorafanina) que ajuda a prevenir o câncer. Sua função é regular e controlar os níveis de estrogênio e alguns outros hormônios relacionados ao surgimento de tumores.

As vitaminas também têm um papel importante, especialmente as do complexo B e vitamina C, afinal, ajudam a amenizar os sintomas e a manter o corpo saudável.

Quais hábitos adotar nessa etapa?

Como foi mencionado, é preciso agregar alguns hábitos saudáveis para diminuir os sintomas da menopausa. Confira como fazer isso:

  • tenha uma alimentação balanceada e variada, com um elemento de cada grupo alimentar no prato;
  • pratique exercícios físicos regulares, desafiadores e igualmente prazerosos;
  • cultive amizades e relacionamentos saudáveis;
  • invista em momentos de relaxamento em um spa e receba massagens;
  • passe mais tempo junto à natureza e, principalmente, sob o sol;
  • adote atividades que ajudam a acalmar a sua mente, como meditação ou yoga.

Cuidar de você é um dos fatores mais importantes durante a menopausa. Esse pode ser um período delicado, por isso, permita-se ter mais atenção ao seu bem-estar e à sua qualidade de vida. Faça atividades agradáveis, conecte-se com o seu corpo e busque sempre entender os processos naturais do seu organismo.

Gostou deste conteúdo sobre como a alimentação saudável pode reduzir os sintomas da menopausa? Conte-nos quais são as suas dicas e truques para driblar os sintomas! Deixe o seu comentário.

Quanto mais natural, melhor.

Chega de ultraprocessados, realçadores de sabor e de listas de ingredientes impossíveis de entender. As nossas
refeições não tem corantes ou conservantes artificiais, e cada ingrediente é comida de verdade.