Conheça a ligação entre alimentos e imunidade para prevenção do COVID-19

Desde dezembro de 2019, quando surgiu o primeiro caso na China, o mundo está em alerta sobre o COVID-19. Também conhecido como coronavírus, ele causa uma doença respiratória, como se fosse uma gripe muito forte, que pode levar à morte pessoas com a saúde fragilizada. Pensando nisso, você sabe qual é a relação entre alimentos e imunidade que pode o ajudar a passar por esse problema mundial?

Atualmente, a enfermidade foi considerada, pela OMS (Organização Mundial de Saúde), como uma pandemia. Isso porque ela já atingiu diversas regiões por todo o planeta, inclusive aqui no Brasil. Você sabia que uma das maneiras de enfrentar a questão é fortalecendo o sistema imunológico?

Por isso, resolvemos trazer este post com dicas de alimentos que ajudam a reforçar a imunidade e com informações sobre como eles fazem isso. Continue a leitura e confira, pois é importante que todos estejam por dentro do assunto para enfrentarmos o coronavírus. Vamos lá?

Quais são os sintomas do COVID-19 e por que devemos tomar cuidado?

Os sintomas do coronavírus se assemelham muito aos de uma gripe. Entretanto, alguns sinais podem nos deixar em alerta para procurar ajuda médica. A tosse seca e a falta de ar são alguns deles. Além disso, a doença causa febre, coriza e dor de garganta.

O COVID-19 é uma mutação natural do coronavírus já conhecido. Essa nova versão é mais agressiva e tem um alto poder de propagação, o que é o maior problema. Para pessoas de boa saúde e fora do grupo de risco, a doença representa menos perigo.

Entretanto, para idosos, crianças, gestantes, pessoas que têm doenças crônicas, como diabetes e hipertensão, ou enfermidades pulmonares, contrair o coronavírus pode ser fatal. Isso porque ele afeta, principalmente, os pulmões.

Qual é a relação entre alimentos e imunidade?

A alimentação tem total relação com a nossa saúde. Se nos alimentamos bem, o organismo tem tudo de que precisa para funcionar bem e, consequentemente, evitar as doenças. Falando mais especificamente sobre o sistema imunológico, é bem simples.

Nossas células de defesa precisam de nutrientes, como proteínas, vitaminas e minerais, para serem produzidas. Caso faltem essas substâncias, o nosso “exército” é comprometido. Além disso, alguns alimentos têm poderes de dar aquela ajudinha extra para a imunidade, como os alimentos anti-inflamatórios e os bactericidas.

Sendo assim, quanto mais variada em alimentos saudáveis e que reforçam o sistema imunológico for a alimentação, mais a defesa do corpo se torna fortalecida para combater os vírus e as bactérias que estão no ambiente, inclusive o coronavírus.

Quais são os alimentos que fortalecem o sistema imunológico?

Uma alimentação equilibrada, como um todo, já é capaz de nos deixar mais resistentes às doenças. Entretanto, alguns alimentos específicos ajudam a fortalecer a imunidade, pois fornecem substâncias que atuam diretamente nessa questão. Confira alguns deles a seguir.

Frutas cítricas

As frutas cítricas, como laranja, limão e acerola, são ótimas fontes de vitamina C: um poderoso antioxidante que ajuda a aumentar a produção das células de defesa. É por esse motivo que dizem que ela é boa para gripes e resfriados.

A verdade é que ela não os cura. Ou seja, se você já tiver esses problemas, ela não tem o poder de tratar. No entanto, se você faz o consumo regular de alimentos que a contenham, a sua imunidade pode ser reforçada para combater essas e outras doenças, principalmente as respiratórias.

Vegetais verde-escuros

Os vegetais verde-escuros, como brócolis, espinafre, couve e agrião, são riquíssimos em ácido fólico. Esse nutriente é essencial para a manutenção das células, inclusive as de defesa. Com isso, ele ajuda a manter o sistema imunológico com boa quantidade de “soldados” prontos para enfrentar os vírus e as bactérias.

Probióticos

Os probióticos são alimentos fermentados por bactérias boas. Quando consumidos, grande parte desses micro-organismos chega ao intestino e ajuda a colonizá-lo, reforçando o time de bactérias “do bem” que combatem os vírus e as bactérias “do mal”, dando uma forcinha para o sistema imunológico.

Embora o coronavírus entre no nosso corpo por meio da boca, do nariz e dos olhos, é importante manter o bom funcionamento da microbiota intestinal porque ela auxilia também na absorção de nutrientes, incluindo os que fortalecem a imunidade. Exemplos de probióticos de origem vegetal são iogurtes e coalhadas, kombuchas e gengibre em conserva.

Prebióticos

Os prebióticos servem de alimento da microbiota intestinal. O consumo regular desses alimentos faz com que a flora intestinal esteja em boa quantidade e pronta para assumir as suas funções, que incluem combater as infecções. Portanto, é importante adicioná-los ao cardápio diário. Quais são eles? Todos os ricos em fibras, como frutas, verduras, legumes, cereais integrais e leguminosas.

Oleaginosas

As oleaginosas, como castanhas, nozes e amêndoas, são ótimas para a imunidade por conter várias substâncias que agem de maneiras diferentes para aumentar a defesa do corpo. São elas: vitamina E, zinco, selênio e ômega-3. Enquanto a vitamina e os minerais atuam como antioxidantes prevenindo o envelhecimento precoce das células do sistema imunológico, o ômega-3 é um excelente anti-inflamatório natural.

Como aumentar a imunidade?

Além de se alimentar muito bem e ingerir os alimentos que aumentam a imunidade, é importante cuidar da saúde como um todo. Ter uma boa qualidade de sono é um dos cuidados que reforçam a defesa, pois é enquanto dormimos que o sistema imunológico ajusta o seu “exército”.

É interessante também reduzir o consumo de alimentos considerados inflamatórios, pois eles sobrecarregam o sistema imune. Entre eles, estão os que contêm gorduras trans e aditivos químicos, as proteínas de origem animal, principalmente a carne vermelha.

Em tempos difíceis, é comum que as pessoas entrem em pânico e fiquem apreensivas. Entretanto, vale lembrar que o psicológico também influencia a imunidade. A negatividade faz com que ela baixe. Por isso, é importante manter a calma e seguir todos os protocolos de prevenção ao coronavírus, pensando no coletivo e respeitando a quarentena.

Alimentos e imunidade têm relação direta um com o outro. Para ter um sistema imunológico bem fortalecido, é preciso manter uma alimentação saudável, rica em alimentos que o auxiliam. Aproveite as nossas dicas e cuide-se para que, juntos, possamos enfrentar a epidemia da melhor maneira possível.

Quer se manter informado sobre saúde, nutrição e bem-estar? Assine a nossa newsletter e receba as nossas novidades em primeira mão, diretamente na sua caixa de e-mail.

Quanto mais natural, melhor.

Chega de ultraprocessados, realçadores de sabor e de listas de ingredientes impossíveis de entender. As nossas
refeições não tem corantes ou conservantes artificiais, e cada ingrediente é comida de verdade.